brbid

10 dicas para comprar em leilões

Quero muito comprar meu carro ou minha moto em leilão, mas será que vale a pena? O grande atrativo dos leilões de automóveis são os preços baixos oferecidos. Esse, sem dúvida, é o chamariz para esse tipo de negócio. O valor dos veículos podem chegar a 70% do valor do mercado.

Então, se você procura por descontos, com certeza, os leilões de carros são muito atraentes. Mas, como em todo negócio, você precisa conhecer o nicho na qual está se envolvendo. Afinal, ninguém quer passar por complicações depois.

Por isso, separamos 10 dicas que você deveria saber antes de dar lances em leilões por aí.

  1. É muito importante que você pesquise a confiabilidade da empresa que você está querendo comprar. Por exemplo, os leilões online são muito vantajosos, mas procure saber a procedência da empresa: como é a sua atuação no mercado, veja se ela está presente e atuante nas redes sociais, olhe o site com atenção (observando se a aparência é profissional), verifique se as empresas ou órgãos que estão leiloando os veículos dentro do site são conhecidos por você (não necessariamente você precisa conhecer todos eles, mas ter alguma referência é sempre bom) e caso tenha alguma dúvida, pergunte.
  2. Os pagamentos dos automóveis são feitos à vista. Então, tenha em mente que você precisa ter o dinheiro reservado. Geralmente, o boleto bancário, após a arrematação do lote, chega para você em até três dias.
  3. Caso goste e arremate um veículo de leilão, você pagará por ele e também por outras taxas (como a do leiloeiro e a administrativa, por exemplo). Todos os detalhes devem estar escritos nas condições do leilão. Fique atento a essa informação!
  4. Analise as fotos dos carros, motos, vans, utilitários e etc. Se possível, vá a visitação. Entenda do assunto. Pesquise, nas informações do leilão, todos os itens descritos a respeito do veículo de sua escolha. Lá, deverá vir detalhado tudo o que consta e o que não consta no bem.
  5. Você não deverá pagar por dívidas anteriores geradas pelo antigo proprietário do veículo. Sim, você será isento de multas e IPVAs antigos, por exemplo. Mas, poderá pagar pelo IPVA do ano vigente da realização do leilão (veja todos as informações no termo de leilão).
  6. Se o leilão em questão é o de veículos apreendidos, procure saber todos os detalhes sobre a regularização do automóvel, que pode levar mais tempo do que o esperado. Então, é importante compreender como funciona o processo de liberação junto ao Detran, que é o órgão que regulariza os veículos. Se possível, peça a ajuda de um especialista ou converse com a empresa de leilão sobre as suas dúvidas.
  7. Saiba que os veículos são leiloados no estado em que se encontram, e você não poderá ligar o automóvel para verificar se ele está funcionando ou não. Por isso, se quiser levar um mecânico de confiança para a visitação nos pátios, fique a vontade. É um veículo usado, então, você deve prestar atenção.
  8. No caso do leilão de veículos apreendidos, os automóveis virão sem chaves. E esses custos serão de sua responsabilidade.
  9. Se os veículos precisarem de reparos ou consertos, qualquer um que seja necessário, esse custo será seu. É bom lembrar que você não poderá ligar o automóvel. Então, verifique com atenção, na descrição do lote, todos os detalhes que os carros possuem.
  10. Aproveite a oportunidade de poder comprar através dos leilões online. Eles otimizam o seu tempo e promovem, ao mesmo tempo, uma disputa em igualdade de condições e em tempo real com o leilão presencial. Você não precisa sair de casa para ir ao pregão oficial. Essa facilidade ajuda na rapidez de concretização do seu negócio e colabora para a sua comodidade.

Gostou desse artigo? Ele ajudou a tirar as suas dúvidas? Então, bons lances!

Por: brbid

2 thoughts on “10 dicas para comprar em leilões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *