Parcelamento de multas de trânsito do Detran, como funciona?

Você sabia que existe a possibilidade de fazer o parcelamento de multas de trânsito? Não? Vem cá então que vamos te contar tudo.

O parcelamento de multas de trânsito do Detran é ótimo para quem está apertado e não pode pagar o valor da multa (ou multas) de uma só vez.  A ideia é promover uma maior facilidade parar estar em dia com os pagamentos das multas e não ter maiores problemas com a sua CNH e o veículo.

Receber uma multa nunca é legal! Quem já tomou uma sabe muito bem disso, ainda mais porque é um dinheiro que não terá retorno e de qualquer maneira você terá que pagar. :/ O ideal é não tomar nunca, né? Mas, já que muitas vezes e em muitos casos isso não é possível é muito bom ter o conhecimento de certos benefícios que podem ajudar você!

Hoje em dia o Detran, afim de facilitar a vida de quem tem multa atrasada ou recebe inúmeras multas de trânsito, oferece a opção de parcelamento de multas de trânsito.  Esse parcelamento, com certeza, vai ajudar e muito as pessoas que não conseguem pagar todos os débitos a vista.

Confira no Detran do seu estado para ver se esse esquema de parcelamento de multas de trânsito já está em vigor e como funciona.

 

Então, o melhor processo para evitar problemas com a apreensão de veículos, o acúmulo de dívidas e a sua dor de cabeça é pagando aquilo que se deve.

Para o parcelamento de multas de trânsito você deve procurar a unidade da sua cidade e levar seus documentos pessoais, em especial a carteira de motorista, que é por meio dela que serão consultadas as multas que você possui. Assim, o Detran vai te oferecer opções para pagamento. Você também pode entrar no site do Detran do seu estado e procurar por parcelamento de multas de trânsito e verificar o procedimento.

No site do Detran do Rio de Janeiro por exemplo eles oferecem um passo a passo na qual o motorista deve seguir:

  1. Acessar o site do DETRAN para consulta das multas que podem ser parceladas.
  2. Caso o interessado não tenha acesso à internet, poderá realizar a consulta nos Rio Poupa Tempo, na sede do DETRAN-RJ (acesso 06), nas Ciretrans e Sats.
  3. O proprietário, há época da infração, seleciona a multa ou multas que deseja parcelar e a quantidade das parcelas.
  4. Após o proprietário, há época da infração, selecionar as multas a serem parceladas, ele clica no botão “Termo de Adesão”, para concordar ou não com as regras descritas no “Termo de Confissão de Débito e Adesão ao Parcelamento”.
  5. Se ele não concordar, clica no botão “Cancelar”, cancelando o parcelamento.
  6. Se ele concordar, clica no botão “Concordo”, podendo imprimir o Termo de Adesão para cada multa selecionada.
  7. Efetuada a adesão, o boleto para pagamento da primeira parcela estará disponível para impressão no site do DETRAN dois dias úteis depois do procedimento. O vencimento da primeira parcela será no quinto dia útil da data da adesão, mas o proprietário só será considerado inadimplente se não fizer o pagamento no prazo de 30 dias. Vale salientar que pagamento do boleto só poderá ser feito em agência do Bradesco.
  8. Com a quitação da primeira parcela, o proprietário do veículo passa a ter direito a realizar os serviços de vistoria, segunda via de CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) e retirada de veículo apreendido. Permanece impedida, porém, a realização de transferência de propriedade e de jurisdição, que só pode ser efetuada com a quitação integral dos débitos.

Vale saber que após a efetivação do parcelamento, o proprietário não terá mais como cancelá-lo. A multa que tiver o seu parcelamento rompido não poderá mais ser parcelada. E, uma vez rompido pelo não pagamento da segunda ou demais parcelas subsequentes, o proprietário ficará impossibilitado de realizar o próximo licenciamento anual sem o pagamento integral do saldo residual, que só poderá ser feito em cota única, através de boleto a ser impresso no site do Detran.

Então, a partir dessa informação o parcelamento de multas de trânsito pode melhorar a sua vida e facilitar o pagamento dos seus débitos. O principal agora é procurar o Detran do seu estado para saber como anda esse facilitador por lá.

Você sabia da existência desse benefício? Deixe o seu comentário aqui!.

 

Por: brbid

Lei proíbe reboque de veículos no Rio de Janeiro na presença de proprietários

Lei proíbe o reboque de veículos na presença dos proprietários! Essa sem dúvidas é uma excelente notícia para quem mora no Rio de Janeiro. Quem nunca foi surpreendido ao chegar no local e ver o seu carro ou moto sendo rebocado? E o pior, não podendo fazer nada por isso, pois a partir do momento em que o veículo foi guinchado, ele era rebocado e apreendido.

Bom, a boa notícia é que isso não pode acontecer mais. Se você, proprietário do automóvel, chegar a tempo de vê-lo, o seu veículo não poderá ser mais apreendido. Reboque de veículos por esse motivo não mais!

Os motoristas devem fazer o registro – com fotos ou vídeos – e enviar material para recurso. O carro ou a moto poderá ser requisitado mesmo que já esteja sobre o caminhão. Sim, agora é seu direito!

Lei proíbe reboque de veículos no Rio de Janeiro na presença de proprietários

Por: brbid

Leilão PTR02-16 adiado, conheça os motivos! Atenção Rondonópolis

O Pátio Rondon e a BRbid comunicam a todos os arrematantes do leilão PTR01-16 que entrem em contato pelo telefone 66 9 9931-5030,para agendar a Abertura do Processo para Transferência dos veículos arrematados.

Informamos ainda que todos os veículos do referido leilão já estão em processo de desvinculação dos respectivos débitos junto aos órgãos competentes (DETRAN, SEFAZ, PRF, RENAINF E SNG).

Leilão PTR02-16 adiado, conheça os motivos! Atenção Rondonópolis

Por: brbid

Como ficam faróis e baterias dos veículos depois da nova lei?

Essa nova lei que obriga a andar com o farol baixo durante o dia nas estradas tem gerado um grande questionamento: como ficam faróis e baterias dos veículos com essa maior utilização?

Evidentemente, tudo o que se usa muito dura menos, principalmente, quando o assunto é veículo (suas peças e manutenção). Aliás, todo mundo passa por alguma aflição financeira quando o carro ou moto começam a dar sinais que precisam de uma olhadinha mais atenciosa.

Como ficam faróis e baterias dos veículos depois da nova lei?

Por: brbid

Leilão de veículos apreendidos, por que ele ocorre?

De todos os leilões que fazemos, com certeza o leilão de veículos apreendidos é o que gera sempre muitas dúvidas, principalmente em relação a sua regularização, que pode ser mais complexa do que a dos outros leilões de veículos.

Então, neste post vamos explicar porque ele existe e como é o seu funcionamento. Quer saber sobre leilão de veículos apreendidos? Vamos lá!

Leilão de veículos apreendidos, por que ele ocorre?

Por: brbid

Multa por som alto no carro está em vigor

Se você está acostumado ao som alto no carro durante o seu percurso, fique atento. Desde o dia 21 de outubro de 2016, agentes de trânsito estão autorizados a multar motoristas que exageram no volume. Desta vez, mesmo sem o equipamento que mede decibéis, a infração pode ser aplicada se o som puder ser ouvido do lado de fora do veículo.

Isso mesmo, parece brincadeira ou pegadinha, mas não é! Som alto no carro que dê para ser ouvido de fora do veículo agora é multa de trânsito.

Multa por som alto no carro está em vigor

Por: brbid

Multas por farol baixo apagado durante o dia em rodovias federais voltam a ser cobradas

Os motoristas que trafegarem com o farol baixo apagado durante o dia em rodovias federais sinalizadas voltam a ser multados. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) retomou, nesta quinta-feira (20), a fiscalização da chamada “Lei dos Faróis”.

Então, os motoristas de plantão devem ficar ligados para não tomarem essa multa atoa. 😉

Multas por farol baixo apagado durante o dia em rodovias federais voltam a ser cobradas

Por: brbid

10 dicas infalíveis para motociclistas não se envolverem em acidentes

Compradores de leilão e ainda motociclistas? Então, esse post veio na hora certa. Se vocês estão sempre de olho nas motos dos leilões ou já compram com frequência, separamos 10 dicas infalíveis para vocês manterem as suas motocicletas longe dos acidentes de trânsito.

Sabemos que o risco existe e bate a porta o tempo todo, então nada mais seguro do que vocês, como motociclistas, se cuidarem para evitarem algum dano maior.

Não temos controle sobre as atitudes dos outros em nossa volta, mas podemos fazer a nossa parte. E acredite que isso já fará muita diferença, principalmente, se vocês pensarem que suas vidas estão em jogo.

10 dicas infalíveis para motociclistas não se envolverem em acidentes

Por: brbid

Edital do Leilão e o que eu preciso saber para participar

Vamos falar sobre uma parte muito importante no leilão? O famoso e importantíssimo Edital do Leilão. Você não pode participar de um leilão sem antes ter conhecimento sobre ele. Então, vamos te dar umas dicas sobre o que realmente importa dentro no edital do leilão.

Nesses pontos que vamos abordar é fundamental que você volte a sua atenção para o que está detalhado. Sabemos que conteúdos muito grandes são chatos de ler, porém, existem pontos específicos que precisamos ter total consciência, principalmente, se estamos fazendo um negócio.

Edital do Leilão e o que eu preciso saber para participar

Por: brbid

5 maneiras de dirigir que acabam com seu veículo

Você é um super motorista? Listamos aqui 5 maneiras de dirigir que acabam com seu veículo e queremos que você responda mentalmente, com sinceridade (é claro), se você está conduzindo de maneira correta o seu automóvel.

Tudo o que está dentro do mundo dos leilões nós adoramos! Principalmente, porque assim podemos dar dicas valiosas para você que acompanha os assuntos por aqui.

Como amamos o universo automotivo, afinal, fazemos todos os meses muitos leilões de veículos, resolvemos dar aquela dica esperta para você cuidar melhor do seu bem. Afinal, ele é seu e de mais ninguém! 😉

5 maneiras de dirigir que acabam com seu veículo

Por: brbid